fbpx

O que é a Base Nacional Comum Curricular e o que ela determina?

Desde que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) foi desenvolvida, ela se tornou um grande assunto em pauta no ambiente escolar. Contudo, as escolas têm algumas dúvidas de como implementá-la, principalmente nos itinerários do Ensino Médio e no desenvolvimento das competências socioemocionais ao longo da Educação Básica.

Entretanto, não basta conhecer a fundo as diretrizes para estar por dentro do futuro da educação. Antes disso, é preciso entender o que se espera da documentação e como ela será importante para o desenvolvimento da nossa sociedade.

Visto que a escola é uma das principais matrizes para o desenvolvimento do indivíduo, você sabe o que é importante compreender sobre esse documento? Se você faz parte da lista de profissionais que desejam entender melhor a BNCC, continue a leitura deste artigo!

O que é a Base Nacional Comum Curricular?

Segundo o Ministério da Educação (MEC), trata-se de um documento que define o conjunto orgânico e progressivo de aprendizagens essenciais para que os alunos se desenvolvam ao longo das etapas da Educação Básica.

Em outras palavras, é um instrumento que direciona a organização curricular de qualidade para todos. Portanto, é uma base para cada escola estruturar o seu currículo. A partir dele, é possível compreender determinadas competências e habilidades que são fundamentais para a vida escolar dos alunos.

Por ter embasamento ético, político e estético, o resultado das Diretrizes Curriculares Nacionais da Educação Básica envolve pessoas que contribuem para a construção de uma sociedade mais justa, democrática e inclusiva.

Quais são as principais competências da BNCC?

Mas, afinal, quais são essas competências que a Base Nacional Comum Curricular espera desenvolver nos alunos? E outro ponto: qual é a importância delas para a formação desse novo modelo de educação para a sociedade brasileira?

O documento reúne 10 competências consideradas fundamentais. Veja quais são:
  1. Valorizar e utilizar os conhecimentos historicamente construídos sobre o mundo físico, social, cultural e digital para entender e explicar a realidade, continuar aprendendo e colaborar para a construção de uma sociedade justa, democrática e inclusiva.
  2.  Exercitar a curiosidade intelectual e recorrer à abordagem própria das ciências, incluindo a investigação, a reflexão, a análise crítica, a imaginação e a criatividade, para investigar causas, elaborar e testar hipóteses, formular e resolver problemas e criar soluções (inclusive tecnológicas) com base nos conhecimentos das diferentes áreas;
  3. Valorizar e fruir as diversas manifestações artísticas e culturais, das locais às mundiais, e também participar de práticas diversificadas da produção artístico-cultural;
  4. Utilizar diferentes linguagens – verbal (oral ou visual-motora, como Libras, e escrita), corporal, visual, sonora e digital –, bem como conhecimentos das linguagens artística, matemática e científica, para se expressar e partilhar informações, experiências, ideias e sentimentos em diferentes contextos e produzir sentidos que levem ao entendimento mútuo;
  5. Compreender, utilizar e criar tecnologias digitais de informação e comunicação de forma crítica, significativa, reflexiva e ética nas diversas práticas sociais (incluindo as escolares) para se comunicar, acessar e disseminar informações, produzir conhecimentos, resolver problemas e exercer protagonismo e autoria na vida pessoal e coletiva;
  6. Valorizar a diversidade de saberes e vivências culturais e apropriar-se de conhecimentos e experiências que lhe possibilitem entender as relações próprias do mundo do trabalho e fazer escolhas alinhadas ao exercício da cidadania e ao seu projeto de vida, com liberdade, autonomia, consciência crítica e responsabilidade;
  7. Argumentar com base em fatos, dados e informações confiáveis, para formular, negociar e defender ideias, pontos de vista e decisões comuns que respeitem e promovam os direitos humanos, a consciência socioambiental e o consumo responsável em âmbito local, regional e global, com posicionamento ético em relação ao cuidado de si mesmo, dos outros e do planeta;
  8. Conhecer-se, apreciar-se e cuidar de sua saúde física e emocional, compreendendo-se na diversidade humana e reconhecendo suas emoções e as dos outros, com autocrítica e capacidade para lidar com elas;
  9. Exercitar a empatia, o diálogo, a resolução de conflitos e a cooperação, fazendo-se respeitar e promovendo o respeito ao outro e aos direitos humanos, com acolhimento e valorização da diversidade de indivíduos e de grupos sociais, seus saberes, identidades, culturas e potencialidades, sem preconceitos de qualquer natureza;
  10. Agir pessoal e coletivamente com autonomia, responsabilidade, flexibilidade, resiliência e determinação, tomando decisões com base em princípios éticos, democráticos, inclusivos, sustentáveis e solidários;

Como a BNCC unifica o processo educacional?

Vale ressaltar que, são essas as competências direcionadas pela BNCC, mas as Secretarias Municipais de Educação, em um trabalho conjunto com as escolas, poderão ir além, construindo uma espécie de personificação do currículo, permitindo trabalhar os regionalismos. Como existem diferentes culturas no Brasil, devido às dimensões geográficas, busca-se unificar com excelência e equidade as aprendizagens essenciais para todos os brasileiros e também valorizar os regionalismos tão distintos no nosso imenso país.

A Base Nacional Comum Curricular é um conjunto de competências e habilidades que norteiam as aprendizagens essenciais que todos os alunos devem desenvolver ao longo da Educação Básica no Brasil. Em suma, é um grande chamado à colaboração, pois unifica a forma de encarar o processo educacional. Afinal, o objetivo é que a base seja comum em todo o país. Então, conseguiu compreender melhor o assunto? Aproveite e compartilhe este artigo nas redes sociais para que mais pessoas conheçam como está sendo a revolução da aprendizagem.

Facebook Comments

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.